Quem você deve perceber primeiro?

art-therapy-227585_1280Muita ênfase é dada nas relações interpessoais no trabalho, na família, entre amigos, mas a relação que nós temos conosco? Costumamos prestar atenção nela? Tem gente que se relaciona bem com o outro, mas não tão bem consigo mesmo.

Percebe o estado emocional do outro, acolhe, aconselha, orienta, mas não consegue fazer o mesmo consigo.

O propósito aqui é falar sobre você, é fazer uma projeção de si mesmo. É sair de si, dar alguns passos à frente e ter um olhar externo de si mesmo.

Vamos fazer isso agora?

Tente sair de si e olhar como você está.

Como está seu estado interno: triste, alegre, tranquilo, ansioso, preocupado…

E seu corpo? Qual sua postura agora: sentado, como? Deitado…  Tem alguma tensão, alguma dor ou incomodo?

Você está com algum outro problema de saúde? Preste atenção também nesse sinal do corpo.

É importante saber que o seu corpo sinaliza o seu estado interno. Ele reage às emoções que você vive ao longo do dia.

É interessante identificar como o seu corpo funciona quando você tem diversas emoções, negativas ou positivas.

As tensões do dia a dia levarão algumas pessoas a desenvolver problemas mais relacionados ao sistema musculoesquelético, outras já terão outros órgãos afetados, como estômago, intestino, cefaleias, alergias e muitas outras que funcionam como uma válvula de escape. Nossos órgãos de choque como são popularmente conhecidos.

Para ter dias mais saudáveis é fundamental que busquemos esta percepção de nós mesmos e para que possamos administrar as emoções que nos afetam e que podem levar ao nosso adoecimento.

Então, o primeiro passo é a percepção das emoções e das reações corporais.

O segundo passo a partir desta percepção é deixar de ser expectador e interferir neste mecanismo.

Então, a partir de agora você vai prestar atenção ao longo deste dia e identificar as emoções e as reações que você possui a elas. Além disso, perceba se existe algo que você faça que modifique estas emoções e reações. Lembrando que cada um de nós tem necessidades diferentes. Enquanto para alguns uma simples respiração profunda reduz a ansiedade e relaxa os ombros, para outro caminhar ou ouvir música faz o mesmo efeito.

Então, percepção e ação!

crédito imagem: Pixabay

Adicionar a favoritos link permanente.

Deixe uma resposta