VII Congresso Paulista de Clínica Médica 2008

Emoção e confraternização
No dia 28 de março de 2008, foi realizada a solenidade de abertura do sétimo Congresso Paulista de Clínica Médica, que contou com 1.200 profissionais da saúde. A mesa diretora foi formada pelo Dr. José Roberto Martinelli, coordenador científico do congresso, pelo Dr. Florisval Meinão, representante da Associação Paulista de Medicina, Dr. Abrão José Cury Jr., presidente da Regional São Paulo da Sociedade Brasileira de Clínica Médica, Dr. Clovis Francisco Constantino, representante dos Conselhos Federal e Regional de Medicina, e pelo Dr. Milton de Arruda Martins, representante do Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina da Universidade de SP.

A homenagem ao Dr. Silvio dos Santos Carvalhal, especialista em Clínica Médica, em Patologia e em Cardiologia, pela contribuição à Medicina brasileira, foi um momento de grande emoção. O Dr. Abrão José Cury Jr. afirmou que a história de vida deste médico é um exemplo a todos. Representando a nova geração de médicos, a estudante de Medicina Luiza Helena Degani entregou uma placa comemorativa ao Dr. Carvalhal, que com a voz embargada pela emoção, agradeceu a homenagem e proferiu palavras de incentivo à Sociedade.

Em seu discurso, o Dr. Florisval Meinão falou da importância da atualização profissional para os médicos. Em seguida, o Dr. Clovis Constantino lembrou que a Clínica Médica é a essência da Medicina e destacou a importância de respeitar a relação médico - paciente. O Dr. Milton de Arruda Martins observou que há 200 anos ensina-se Medicina no Brasil e que, mais uma vez, a Sociedade cumpriu seu papel de contribuir para a atualização dos profissionais da saúde.

Finalmente, o Dr. Abrão José Cury Jr. refletiu sobre o esforço necessário para organizar um congresso como o paulista de Clínica Médica, sempre tendo em vista a oferta de melhor conhecimento médico de forma a se refletir positivamente na melhoria da qualidade do atendimento ao paciente. Aproveitou a oportunidade para agradecer o apoio dos congressistas, da indústria farmacêutica, da equipe de apoio e de sua família.
O Dr. Antonio Carlos Lopes, presidente da Sociedade Brasileira de Clínica Médica, não pode comparecer ao congresso, mas mandou uma mensagem, destacando a importância do papel do clínico, a necessidade de investir na capacitação do médico e desejando sucesso a todos.